Clínica de Oftalmologia Dr Horácio Correia - Doença dos Olhos / Anatomia Ocular

Anatomia Ocular

globo ocular
Bookmark and Share


CÓRNEA

Parte transparente anterior do olho que recobre a íris e pupila. Além de proteger as estruturas intra-oculares, funciona como uma lente que, juntamente com o cristalino, foca a imagem na retina.


CONJUNTIVA
Membrana que recobre a parte anterior da esclera (branco do olho) e a superfície interna das pálpebras.


ESCLERA
Camada mais externa do globo ocular (parte branca dos olhos) que forma a parte posterior do olho e envolve o nervo óptico. Juntamente com a cornea, compõe a túnica fibrosa que protege todas a estruturas intra-oculares.


CRISTALINO
É uma lente natural do olho localizada logo atrás da pupila e íris e que, juntamente com a córnea, focaliza a imagem na retina. Tem capacidade de modificar o seu poder de focagem através da acomodação. Com a idade (por volta dos 40 anos), tende a perder o seu poder de acomodação (presbiopia). A catarata é a perda de transparência do cristalino.


CORÓIDE
Camada localizada entre a esclera (parte branca do olho) e a retina. Essa camada é a principal fonte de irrigação vascular das estruturas intra-oculares.


VÍTREO
Parte do olho entre o cristalino e a retina, transparente e com consistência semelhante a uma gelatina.


RETINA
Membrana sensorial que reveste o olho internamente. É composta de várias camadas e de receptores especiais (cones e bastonetes) cuja função é receber imagens focadas pela córnea e cristalino, converte-las em sinais elétricos e enviá-las ao cérebro através do nervo óptico.


HUMOR AQUOSO

Líquido que preenche as câmaras anterior e posterior do olho. Fornece nutrientes e oxigénio para as estruturas do segmento anterior do olho (córnea e cristalino). É produzido continuamente na câmara posterior e drenado no ângulo da câmara anterior.


ÍRIS
Membrana pigmentada situada entre a córnea e o cristalino. Funciona como um diafragma, abrindo e fechando a pupila, para regular a quantidade de luz que alcança a retina. É a estrutura que dá a cor dos olhos.


PUPILA

Abertura no centro da íris (porção colorida do olho) por onde passa a luz para formar a imagem. Apresenta-se redonda e negra, e abre e fecha para regular a quantidade de luz que a retina recebe.


CORPO CILIAR
Estrutura do olho que é responsável pela produção do humor aquoso e, juntamente com o cristalino, pelo processo de acomodação.


CÂMARA ANTERIOR
Parte anterior do olho entre a córnea (anteriormente) e a íris e cristalino (posteriormente). É preenchida por um liquido denominado de humor aquoso.


CÂMARA POSTERIOR
Parte do olho atrás da íris, onde se encontra o cristalino e é também preenchida pelo humor aquoso.


DISCO ÓTICO

Também conhecida como papilla ótica ou cabeça do nervo óptico. Lugar de confluência das fibras nervosas da retina, que constituem o nervo ótico.


NERVO ÓTICO

Parte do olho constituído por fibras nervosas que transmitem o estímulo luminoso da retina (cones e bastonetes) ao cérebro.

 

Notícias em destaque

IOL MASTER 500 vs BIOMETRIA DE CONTATO

  As grandes vantagens da biometria realizada pelo IOL Master 500 são o não...

iTrace - Novo equipamento disponível

A Clínica Oftalmológica Dr. Horácio Correia vai ter disponível um novo...
ASCRS 2015 em San Diego

ASCRS 2015 em San Diego

O Dr. Faria Correia participou como palestrante no Congresso da American Society of Cataract and...